30 de Setembro de 2022

Início do conteúdo
ECONOMIA

Distritos industriais recebem melhorias na infraestrutura e novos empresários

Fonte: Danna Belle - Gabinete de Comunicação | Publicado em 17/08/22 às 16:36
None
Felipe Godoi

A Prefeitura de Rondonópolis avança diariamente em prol dos empresários rondonopolitanos. Atualmente o microdistrito Anézio Pereira de Oliveira, localizado na Vila Operária, está sendo asfaltado com investimento de recursos próprios do município e recebendo novas empresas.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico aprovou, neste ano, 33 projetos para o microdistrito Anézio, entre eles empresas na área de construção civil, asfalto, pequenas transportadoras, serralheria e big bags.

“Só tenho que agradecer, é uma coisa que eu esperava há tanto tempo e hoje realizei mais um dos meus sonhos e com toda certeza nosso distrito industrial será uma maravilha como está sendo” empresário no ramo de pré-moldados, Valdomiro Alves.

Além dos projetos citados, foram assinados mais 12 destinados aos outros distritos industrias localizados em Rondonópolis. “Estamos assinando mais contratos de aquisição das áreas para os empresários que estão investindo na cidade”, pontuou o prefeito José Carlos do Pátio.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Alexsandro Silva, desde 2021 a gestão está empenhada em melhorar os distritos aportando investimentos para melhorar toda a infraestrutura. A Prefeitura construiu calçadas, iluminação e asfaltou o distrito Augusto Bortoli Razia com recursos próprios.

Outro distrito beneficiado é o Fabrício Vetorasso que atualmente está passando por obras de drenagem e asfalto por meio de investimento municipal, do Governo do Estado e com emenda do Senado. O distrito Rondonópolis também conhecido como distrito antigo, deverá receber melhorias em breve.

“Demonstra o compromisso do prefeito, José Carlos do Pátio, em melhorar a infraestrutura dos nossos distritos industriais e colocar as empresas que estão realmente comprometidas em investir”, finalizou Alexsandro Silva.

O volume de empresas na fila de espera ainda é alto, por isso há um projeto para aquisição de nova área previsto para iniciar no próximo ano, após finalização das melhorias nos distritos industriais existentes, tornando possível aumentar o número de lotes e beneficiar mais empresários.